domingo, 11 de setembro de 2011

Esfinge




 Atributos: Colheita; Proteção; Água; Começos; Fertilidade.

A Esfinge aparece na mitologia grega como o monstro – uma cabeça  e seios de mulher, o corpo de um cão, as patas de um leão, asas de uma águia e a cauda de uma serpente – que interrogou Édipo. Aos egípcios antigos,  simbolicamente ela representava o Nilo e suas estações. Ela era também uma manifestação de Hathor, Deusa do nascimento e da  morte. 
A Esfinge do Egito foi construída como guardiã dos horizontes, o nascer e o pôr do Sol, sinalizando também o começo da inundação fértil do Nilo, as águas que inundam  a terra nesta época do ano. Esta produtividade abundante e proteção é o que nos oferece a Esfinge em preparação para a colheita do Outono.


Em setembro é celebrado o ano  novo ano egípcio, correspondendo com o ciclo anual da enchente do Nilo e marcando uma nova estação de plantação. A Esfinge toma parte desta celebração produzindo abundância aonde existir necessidade.

 Para estimular isto adicional, encontre, por exemplo, um cristal em forma de uma pirâmide (como um cristal de fluorite) e coloque debaixo dele um papel com o desenho de um símbolo que represente sua necessidade (um cifrão para dinheiro, por exemplo). Isto coloca sua meta debaixo do olho vigilante da Esfinge e então ela pode auxiliar nessa questão diligentemente.

 Se você vai fazer algum tipo de ritual hoje, use areia para traçar o círculo mágico, junto com esta invocação à Deusa ( que você pode mudar as palavras de acordo com suas intenções pessoais):

Grande Observadora, Senhora das Pirâmides,  
espalho suas areias ao vento, que a Magia opere em (...)
Areia ao leste para a esperança e o sopro de vida do Ar
 Areia ao sul para a  inflamável  energia do Fogo
Areia ao oeste para o fluxo de amor das Águas
Areia ao norte para as fundações firmes como a Terra
Areia no centro para conectar os todos os poderes.
Que assim seja.






Paz e Luz!

Nenhum comentário:

Postar um comentário